Senado francês decreta que Catedral de Notre-Dame será reconstruída como era antes do incêndio

O senado francês aprovou, ontem (28), um projeto de lei que prevê a reconstrução da catedral de Notre-Dame “fiel ao modelo conhecido antes do incêndio”.

Depois que a catedral histórica foi parcialmente destruída há pouco mais de um mês, o presidente Emmanuel Macron cogitou a criação de um concurso para a recontrução criativa de sua torre. A ideia, de fundo progressista, era dar ares mais modernos e “inclusivos” à construção.

A proposta do mandatário francês, como não poderia deixar de ser, dividiu opiniões. No entanto, o fato é que a maioria dos franceses são favoráveis à reconstrução conservadora do templo afim de preservar o patrimônio histórico e religioso que o monumento representa.

As obras de reconstrução ainda não começaram e não há um prazo para o término. Macron sugeriu que o projeto se realizasse em cinco anos, mas especialistas dizem que é um prazo muito otimista.


 
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *