Olavo: “Mídia brasileira é cem por cento extrema esquerda, feroz, intolerante e controladora”

“A mídia brasileira, com ou sem disfarce, é cem por cento EXTREMA-ESQUERDA, feroz, intolerante e controladora. Ela não tem NADA a ver com jornalismo, só com engenharia social e propaganda esquerdista”, disse Olavo de Carvalho em sua página no Facebook nesta sexta-feira.

Olavo afirmou também que a mídia está em guerra contra o Brasil, ao referir-se aos ataques contra Bolsonaro, eleito por ampla maioria de uma população que estava descontente com décadas de governos de esquerda. Jornalistas que se consideram neutros e “exercendo o contraditório” diante do novo governo, porém, jamais demonstrou uma parcela do mesmo “contraditório” quando o assunto são os governos petistas.

“Na mídia brasileira, perguntar quem matou nove testemunhas do caso Celso Daniel é ‘desrespeitar a Mariele'”, afirma Olavo, resumindo o pensamento do que podemos chamar de nazi-jornalístico da nova era. Olavo caracteriza já há algum tempo a grande mídia brasileira como uma verdadeira organização criminosa, que entre outras coisas, ocultou por décadas a existência do Foro de São Paulo e possibilitou a chegada da esquerda ao poder não apenas no Brasil, mas em diversos países da América Latina, sendo moralmente culpados do caos da Venezuela.

Mas o rótulo de “extrema esquerda” não sai da boca dos supostos analistas políticos. Sobre isso, Olavo pontuou:

“Nem Fidel Castro, que matou umas cem mil pessoas, foi jamais chamado de “extremista de esquerda” na mídia brasileira. Mas o Bolsonaro já virou “extremista de direita” por conta do que seus inimigos dizem que ele VAI fazer.
A mídia brasileira é crime organizado, nada mais”.

Olavo vai além e questiona a autoridade que os jornalistas têm para rotular e caracterizar declarações e pessoas.

O abuso obsceno do rótulo de “extrema direita” sugere a urgência da seguinte pergunta:

— Que autoridade têm os jornalistas, uma classe de pessoas semicultas e de mentalidade superficial, escravas das aparências e da moda, para graduar a quantidade de direitismo permitido e proibido, eximindo-se aliás de fazer o mesmo com a esquerda? Por que gente que não sabe nem mesmo relatar os fatos deve ter a autoridade de julgá-los, ditando as normas na política, na moral, na religião e até na vida doméstica? Ou o Brasil quebra o orgulho demente desses palpiteiros, fazendo-os ver todo o merecido desprezo que o povo tem por eles, ou esses campeões de arrogância e prepotência não deixarão subsistir uma gota de honra, beleza, inteligência e bondade na alma nacional.


 
 

14 thoughts on “Olavo: “Mídia brasileira é cem por cento extrema esquerda, feroz, intolerante e controladora”

  1. So sei de uma coisa,todos estao preocupados com suas vaidades e seus bolsos,nenhum verdadeiramente com o Brasil.Eu nasci sem partido ,cresci sem partido porque o meu partido e o Brasil.

  2. O noticiário nacional,se resume à notícias sobre violência , política podre , e insatisfação popular por alguma coisa.
    Sensacionalismo é o termo correto pra tudo isso.

  3. A eleição já foi ganha , para de dar entrevistas . Qualquer palavra mal colocada vira bagunça , trabalho e resultados , simples assim . O clima vai ficando pesado com tanta desinformação . A globo e os mamadores chorões querem isso . Coloca um porta voz e pronto .

    1. Vc tá com medo de meia dúzia de jornais falidos foda e a grande mídia ninguém acredita nela para com esse cagaço. Não tem que se calar não, se vc não sabe o que é guerra de narrativa não podemos deixa de combate Los. Foi o que os militares fizeram abandonaram a guerra cultural e aqui estamos se vc não tem estomago desliga a TV e sai da internet ou faça a sua parte dando apoio estamos em guerra.

  4. Vc tá com medo de meia dúzia de jornais falidos foda se a grande mídia ninguém acredita nela para com esse cagaço. Não tem que se calar não, se vc não sabe o que é guerra de narrativa não podemos deixa de combate Los. Foi o que os militares fizeram abandonaram a guerra cultural e aqui estamos se vc não tem estomago desliga a TV e sai da internet ou faça a sua parte dando apoio estamos em guerra.

  5. Se qualquer pessoa digitar Bolsonaro no Google, 99% das noticias são falando mal e mentindo a respeito do presidente, que foi eleito pela vontade majoritária do povo brasileiro. Essa mídia podre é sem duvidas inimiga dos brasileiros!

    1. Concordo plenamente, eu não sou partidário de ninguém, eu me interesso em ter um país em que possamos viver com tranquilidade, com melhores igualdades, sem corrupção, sem estar extremamente preocupados pelas cores que vestem meninos ou meninas, fazendo de uma brincadeira um sensacionalismo extremistas, ou seja eu quero o país que eu Amo, eu quero manter nosso hino em evidência PATRIA AMADA BRASIL, o resto é resto.

    2. Foram mai de 81 milhões de ELEITORES ATIVOS que votaram em BOLSONARO!!!
      81.207.789 VOTOS VÁLIDOS E LIMPOS PARA O CAPITÃO JAIR MESSIAS BOLSONARO PRESIDENTE DO BRASIL !!!
      Quer que eu desenhe ?

  6. A única coisa que o governo tem que fazer é partir para o que tem que ser feito e ponto final.Nada de falar muito e sim agir muito. Brasil pede SOCORRO e não pode esperar mais. Então é cada um do governo ASSUMIR e ir a luta de imediato.E é por aí.

    1. Edianez tem razão… Parem de dar explicação e mão a obra, sem pena, sem dó, sem pestanejar. O Povo não quer acordos com camara corrupta mesmo que para isto ele tenham que ser expurgados da forma que for necessária. Apoiamos o governo democrático que é, ou, autoritário se preciso for!

  7. Estamos resistindo BRAVAMENTE, Professor. Por estas e outras que ha anos venho chamando estes nossos declarados inimigos de TRAFICANTES de “noticias”.

  8. Esquerda Brasileira nao existe Sr. Olavo de Carvalho, o que existe è um quadrilhao imenso de criminosos…no Brasil esquerda nunca foi ideologia… vemos isso pela pratica…. o que vimos foi sò roubalheira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *