“Precisamos fortalecer as fronteiras”, diz chanceler da Áustria a Angela Merkel

Na última quarta-feira (17), o Primeiro Ministro da Áustria, Sebastian Kurz, durante conferência com Angela Merkel, pediu para que a União Europeia fortificasse suas fronteiras a fim de solucionar a crise causada pelos imigrantes.

“Estou convencido de que a solução para o problema da migração reside na gestão adequada das fronteiras e numa maior maior assistência local”, disse Kurz à Merkel.

“Precisamos de uma União Europeia que se concentre mais nos grandes problemas e que deixe de lado as pequenas questões nas quais as nações ou regiões podem decidir melhor  por si mesmas”, continuou.

A decisão de Angela Merkel de abrir as fronteiras alemãs aos milhões de imigrantes vindos do Oriente Médio e do Norte da África provocou um enorme debate sobre imigração, soberania nacional, terrorismo e segurança nas fronteiras, resultando numa reviravolta ‘populista’ que atravessa a Europa.

Kurz, de 31 anos, membro do Partido Popular da Áustria, tornou-se o líder de nação mais jovem do mundo após ter sido eleito como chanceler da Áustria.


Escrito e traduzido por: Raul Effting

fontes:

[1] Inforwars

[2] Politico.eu

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta